22 de junho de 2022

Alberto Maya destaca compromissos voltados à paridade de gênero, igualdade racial e à jovem advocacia

Com uma campanha pautada no diálogo, transparência e com foco na disponibilidade para os advogados, o candidato ao Quinto Constitucional, Alberto Maya, é também incisivo ao afirmar seu compromisso com a paridade de gênero, igualdade racial e com a jovem advocacia.

Maya, que sempre defendeu o tratamento respeitoso e igualitário sem distinções ou privilégios, tem reiterado em seus discursos a importância de um gabinete paritário e igualitário, que seja exemplo para a sociedade.

Já para a jovem advocacia, o candidato ressalta que devem ser encurtadas distâncias. O jovem advogado e também os estudantes de direito devem ser apresentados ao Tribunal de Justiça, desde às suas competências até ao seu funcionamento, para que se crie uma intimidade entre o advogado e o Tribunal, o que é possível através de parcerias com as faculdades de direito e programas com a OAB/AL.

O advogado militante há mais de 20 anos e candidato ao Quinto Constitucional concluiu o curso de Direito no Centro Universitário CESMAC, em 1997, onde se especializou em Direito Penal. Segundo ele, na advocacia, encontrou sua verdadeira vocação e, por isso, sempre fez questão de participar ativamente nas mais diversas atividades junto à OAB, na Chefia de Gabinete da Presidência, durante o exercício do mandato do Presidente Humberto Martins (1998-2000), e posteriormente na Presidência da Comissão de Defesa e Assistência dos Advogados, na gestão do presidente Areias Bulhões (2001-2003).

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *