12 de janeiro de 2022

Encontro discute a ampliação da participação feminina no cenário político

Com o objetivo de aumentar a participação das mulheres no cenário político local e nacional, a pré-candidata a deputada estadual pelo PSDB, Marcela Vilela, a líder do MDB Jovem em Alagoas, Yasmin Silveira, e a vereadora por Mata Grande Laís Brandão (PDT) estão iniciando um movimento para conscientizar a população alagoana da importância da representatividade feminina nos poderes legislativos e executivos.

Em encontro realizado nesta terça-feira (11), as três analisaram o cenário político alagoano e discutiram o cumprimento da Lei nº 9.504, que estabelece normas para as eleições, em especial o terceiro parágrafo do artigo 10, que determina que a lista de candidatos que concorrerão no pleito deve respeitar o percentual mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo.

Em conformidade com a previsão legal, a Justiça Eleitoral elegeu o tema como prioridade, tendo promovido diversas ações no sentido de fomentar a participação feminina na política, tais como campanhas, seminários e até encontros internacionais.

Antes das eleições de 2020, a indicação de mulheres para participar das eleições era por coligação. Atualmente, é por partido. Para a Justiça Eleitoral, a mudança vai impactar principalmente o fomento à participação feminina na política, muito incentivado pela legislação.

Para Marcela Vilela, é inadmissível que a Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) tenha atualmente apenas cinco deputadas num universo de 27 parlamentares, ou seja, apenas 18,5% do total. “Na Câmara dos Deputados, temos apenas uma mulher representando Alagoas, num universo de nove parlamentares”, ressalta, referindo-se à deputada federal Tereza Nelma (PSDB).

Fonte: Política Alagoana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *