26 de outubro de 2021

Prefeitura realiza atividades para mais de 150 crianças no Parque Municipal de Maceió

Prefeitura realiza atividades para mais de 150 crianças no Parque Municipal de Maceió. Foto: Bruno Wesley

Com o intuito de promover a valorização social de crianças e adolescentes assistidos nas unidades de acolhimento do município, a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), a Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Gabinete da Mulher e a Coordenação de Políticas Sociais de Maceió proporcionaram um momento de lazer e conhecimento sustentável no Parque Municipal, situado em Bebedouro, nesta terça-feira (26).

Essa ação que faz parte do programa “Mês da Criança – Eu sou o Futuro” da Coordenação da Criança e do Adolescente da Semas contou com a participação de 150 crianças.

A coordenadora Gabrielle Claudino, afirmou que o objetivo central das ações voltadas para a juventude é desenvolver políticas públicas que possam garantir os direitos das crianças e adolescentes.

Crianças participam de atividades sustentáveis. Foto: Bruno Wesley

“Se aproximando do fim de nossas ações, ver o sentimento de valorização no olhar dessas crianças nos proporciona um momento de reflexão e de dever cumprido. O dia de hoje, no Parque Municipal, foi pensado justamente em ofertar a garotada das unidades de acolhimento, a aproximação com o meio ambiente, além de reforçar o desejo de preservação dos animais. É imprescindível que nós, como gestão, possamos trabalhar de forma a inserir esses jovens no tocante à arte, cultura e o meio ambiente”, explicou a coordenadora.

A criançada envolvida na ação, que se iniciou às 9h, teve a oportunidade de participar de uma das trilhas, conduzidas por um guia, e conhecer um pouco da fauna e flora que habita na reserva. Ademais, receberam educação ambiental voltada para a sustentabilidade e fizeram um plantio de mudas de árvores nativas, visando desenvolver a paixão em preservar o meio ambiente.

As crianças fizeram um plantio de árvores nativas. Foto: Bruno Wesley

Além de tudo isso, os pequenos ainda puderam se divertir com o futebol de sabão e o pula-pula. Para quem tinha interesse, houve oficina de maquiagem. E, finalizando a manhã de lazer, as crianças receberam diferentes brinquedos doados pela Prefeitura e alguns recicláveis, confeccionados pelas equipes da Sudes.

A coordenadora dos parques de Maceió, Rafaela Brito, pontuou a importância de impactar diretamente a vida dos usuários dos abrigos com ações ambientais.

“Nesse primeiro contato com o meio ambiente, as crianças puderam conhecer um pouco mais sobre a fauna e flora do Parque Municipal. Tenho certeza que elas saem daqui com outra visão de meio ambiente e se tornarão adultos mais conscientes. Socialmente falando, o meio ambiente é o ponto chave para a sobrevivência, então temos que aprender a fazer nossa parte para preserva-lo. Essas ações com as crianças têm a finalidade de gerar um olhar mais cuidadoso e crítico sobre os riscos de não proteger o nosso maior bem, que é a natureza”, explicou.

A secretária da mulher, Ana Paula Mendes, afirma que é importante para essas crianças conheceram o mundo externo, além das paredes dos abrigos e das comunidades carentes, e se diz alegre pela realização da ação.

“Essas crianças são bem cuidadas e protegidas pela Prefeitura de Maceió. Temos essa responsabilidade e obrigação de cuidar delas e promover o lazer e alegria. Então, escolhemos trazê-los para o Parque Municipal, onde eles tiveram um dia único, principalmente por esse contato com a natureza que a reserva proporciona. Fico muito feliz pela realização dessas atividades onde eles puderam aproveitar a trilha, fazer o plantio de mudas e aprender sobre a fauna e flora aqui do parque”, disse.

Representando a coordenação das políticas sociais, o assessor Fábio Rogério marcou presença e reforçou o empenho da Prefeitura de Maceió em promover a valorização de crianças e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade social.

Equipe de educação ambiental fabricou diversos brinquedos com materiais recicláveis. Foto: Bruno Wesley

“Para eles [crianças e adolescentes] é um dia marcante. Muitos deles vieram pela primeira vez ao Parque Municipal ter esse contato com a natureza, com o verde. Essa iniciativa em parceria com várias instituições só irá fortalecer esses vínculos com quem mais precisa, porque muitos que vivem nos abrigos não possuem elos familiares. É um trabalho de aproximação com o próximo, por isso é imprescindível ações desse porte”, pontuou o assessor.

Reforçando o apoio e assistência aos meninos e meninas presentes no evento, a educadora social da Casa Lar, Benedita Alves, citou que devido a pandemia os meninos e meninas dos abrigos deixaram de participar de eventos externos.

“É um momento ímpar para nossas crianças. Trazê-los para participar efetivamente dessas ações entrega de volta uma certa liberdade e a sensação de acolhimento social. É muito bom ouvir os relatos de todos eles depois das ações, onde se sentem abraçados e confortáveis”, disse Benedita.

Assistida pelo Casa Lar, J.S, não escondeu a alegria de estar presente em mais uma ação que fez parte do calendário alusivo ao mês das crianças da Semas. Desde os oito anos de idade é assistida pela Semas.

Crianças e acompanhantes se divertem com as atividades. Foto: Bruno Wesley

“Essa experiência está sendo muito legal, porque voltamos a fazer dinâmicas fora do abrigo. Hoje, conheci o Parque Municipal e a natureza. Foi tudo muito lindo e ótimo para a gente. A cada ação estamos tendo a chance de conhecer e se aventurar em algo diferente”, pontuou a jovem.

 Ascom Sudes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *