18 de junho de 2021

Comissão Especial da Câmara inicia fiscalização de obras de saneamento na capital

Dois dias após a Câmara de Maceió ter aprovado a criação da Comissão Especial para Acompanhamento das Obras de Saneamento de Maceió, os integrantes, liderados pelo presidente vereador Chico Filho (MDB), fizeram uma primeira fiscalização de campo. No bairro da Gruta de Lourdes foi possível ver em pleno horário comercial uma equipe abrindo a via para início de ligações de esgoto.

Segundo explicou Chico Filho nenhum vereador é contra a obra e sua desconsidera a importância para a cidade, afinal saneamento é saúde. Por outro lado os serviços precisam de um disciplinamento que inclua desde a hora em que vai ocorrer, o tempo que será realizado e, principalmente, como serão consideradas as condições das vias.

“O que se tem visto em vários pontos da cidade são obras intermináveis que causam transtornos enormes para a população e comerciantes. Recebemos várias demandas neste sentido e nós mesmos, em contato com a comunidade, fomos abordados.  Uma coisa muito comum é que o modo como as vias são entregues, quando é feito o novo revestimento asfáltico, tem qualidade inferior e rapidamente se deteriora”, explicou o presidente.

A comissão tem como vice-presidente o vereador Brivaldo Marques (PSC), a relatora é a vereadora Olívia Tenório (MDB) e Joãozinho (Podemos) como integrante. Os suplentes são os vereadores Fernando Holanda (MDB) e Cal Moreira (PSC). Conforme explicaram, os serviços realizados serão amplamente fiscalizados, inclusive, com o apoio da população que poderá contribuir com informações diretamente para a comissão.

No momento, conforme apuraram os vereadores, dois grandes consórcios Sanema e Sanama estão à frente das obras de saneamento na parte baixa e na parte alta da capital. Os titulares destas obras são o município de Maceió e também o Governo do Estado. Por esta razão irão em busca de informações também junto à Casal e a futura operadora da Região Metropolitana, BRK Ambiental.

Sobre o município, já é possível saber que não ocorre uma fiscalização quanto a execução dos prazos. Em reunião após a visita externa, os vereadores decidiram encaminhar um pedido para ter acesso aos contratos das empresas envolvidas, bem como conhecer os valores recebidos e a obrigação que elas têm quanto a entrega dos serviços.

Com o trabalho da comissão, os vereadores acreditam que cumprirão um papel importante para auxiliar o município e também atender aos reclames da população. Isto servirá para as obras que estão em curso e, ao mesmo tempo, serão referência para futuros contratos.

Ascom CMM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *