24 de fevereiro de 2021

Cartão Cria: Gestantes da capital devem procurar postos de cadastro

O  cadastro das gestantes para receber o Cartão Cria (Criança Alagoana) foi iniciado pela Secretaria Municipal na última segunda feira (22). As gestantes inscritas no Cadastro Único (Cadúnico) com renda mensal de até R$ 178,00 por pessoa que quiserem se cadastrar devem procurar os postos de cadastro de acordo com a unidade de Saúde em que fazem o pré-natal, conforme o cronograma divulgado pela secretaria.

Segundo a assistente social da Semas, Ray Gomes, a Semas organizou um cronograma para que as gestantes se cadastrem o mais próximo das suas residências, mas algumas usuárias não estão conferindo o cronograma, e se dirigindo a postos de cadastros longe de casa e que não estão direcionados para sua unidade de Saúde. “Para evitar transtornos, reforçamos que as nossas usuárias confiram o calendário divulgado no site da Prefeitura.  As gestantes precisam estar fazendo o pré-natal, ter feito inscrição no Cadúnico até dezembro de 2020 e ter renda mensal familiar de até R$ 178,00 por pessoa. Para mais informações, poderão também ligar para o 3312-5924”, explicou.

O Cartão Cria é uma iniciativa do Governo Estadual, que beneficiará, com um auxílio financeiro de R$ 100 mensais, gestantes, bebês e crianças até 6 anos de idade e crianças com síndrome congênita por Zika Vírus, de 0 a 7 anos, inscritos no Cadúnico.

Cadastro das gestantes no Cras Terezinha Normande. Foto:Ascom Semas

Os pontos de atendimentos para o cadastro do Cartão Cria são: os 16 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Maceió, a sede do Cadastro Único (Cadúnico) na Serraria e o Centro de Atendimento Socioassistencial (Casa), no bairro do Prado. O atendimento nos Cras será de 9h às 15h, e no Casa, das 13h às 15h. Nessa primeira etapa, estão sendo cadastradas gestantes e crianças com síndrome congênita por Zika Vírus, de 0 a 7 anos.

Nas regiões que não têm a cobertura dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras),  a Semas levará  o ‘#TôAqui – Assistência Presente’ para garantir um atendimento mais rápido e com comodidade para as gestantes. Nesse quinta (25), acontecerá uma ação para o cadastro  das gestantes na Escola Marechal Floriano Peixoto, em Ipioca, das 8h30 das 12h. E na próxima terça (2), na Escola Benevides Epaminondas da Silva, em Riacho Doce. Durante o mês de março aconteceram outras ações no Tabuleiro do Martins e Cidade universitária para atender as gestantes dessas regiões.

Lucineide fez seu cadastro no Cras Terezinha Normande. Foto:Ascom Semas

A gestante Lucineide Guedes, de 27 anos, que faz pré-natal na Unidade de Saúde Waldomiro Alencar, conferiu o calendário e foi até o seu posto de cadastro no Cras Terezinha Normande no Conjunto José da Silva Peixoto. “Foi muito bom o atendimento aqui do Cras. Não enfrentei fila, foi bem rápido e consegui fazer o meu cadastro sem dificuldades”, disse.

Nesta semana de 22 a 25 de fevereiro, estão sendo cadastradas as gestantes que tem os nomes iniciados de A-L de acordo com Unidades de Saúde em que fazem  o  pré-natal.  De 1  a  4  de março farão o cadastro as gestantes que tem os nomes iniciados de M-Z.   Para fazer o cadastro, as  gestantes deverão  levar os seguinte documentos:  NIS, Caderneta da Gestante, Cartão SUS, RG-CPF e Comprovante de Residência.

Crianças com síndrome congênita por Zika Vírus

Crianças de 0 a 7 anos com síndrome congênita por Zika Vírus serão cadastradas nesta quinta-feira (25 ) e sexta (26), e de 1º a 4 de março na Associação das Famílias de Anjos de Alagoas- AFAEAL  localizada no Conjunto. Profº Paulo Bandeira – no  Benedito Bentes ll, das 9h às 15h.

Para o cadastro, o responsável deverá levarCertidão de Nascimento da criança, Cartão SUS, RG-CPF do responsável, Comprovante de Residência, NIS do Responsável e da Criança e Laudo Médico.

Crianças de 0 a 6 anos

O cadastro  das crianças de 0 a 6 anos,  que não estão no grupo das com síndrome congênita por Zika Vírus,  será iniciado no mês de abril.

Gestantes do Programa Primeira Infância Cidadã

As gestantes atendidas pelo Programa Primeira Infância Cidadã (PPIC) /ProgramaCriança Feliz deverão aguardar em casa para serem cadastradas pelo visitadores do programa do seu território.  O agendamento da visita será feito por telefone pelos técnicos do programa.

Veja o cronograma

Vanessa Napoleão/Ascom Semas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *