23 de junho de 2020

Prefeitura retoma Conselho do Esporte e discute rumos pós-pandemia

Após adiamento da reunião de março por conta da Covid-19, a Prefeitura de Maceió retomou, nesta quarta-feira (23), as reuniões do Conselho Municipal do Esporte e Lazer (CMEL). Com a participação de conselheiros e de representantes da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer (Semtel), o encontro virtual discutiu, entre outros assuntos, a base inicial de retomada das atividades esportivas em Maceió no período pós-pandemia.

Por meio de videoconferência, o gestor da Semtel, Jair Galvão, foi empossado como novo presidente do CMEL e aproveitou para apresentar o secretário-adjunto de Esporte e Lazer, Lucas Pontes, aos presentes na reunião. Na sequência, foi aberto o momento para eleger o vice-presidente e, por unanimidade, o representante das federações do esporte amador, Jadson Lira, foi escolhido pelos conselheiros.

“Este foi um momento de resgate dessa ferramenta de política pública. O recomeço do Conselho fortalece e cria vínculo com toda comunidade esportiva, ainda mais em um momento difícil como este. Aqui, todos os conselheiros podem colocar em debate questões gerais e específicas para que o esporte em Maceió possa ter um ambiente correto e saudável depois do período de isolamento social”, declarou Galvão.

O secretário-adjunto Lucas Pontes informou aos conselheiros os eventos esportivos que Maceió deixou de sediar por conta da pandemia, como o IronMan 70.3, que foi cancelado e tinha previsão para acontecer pela terceira vez consecutiva na capital alagoana, em agosto. O gestor destacou também a reformulação dos projetos presenciais da Semtel, que passou a ofertar atividades físicas online diariamente, por meio do projeto Esporte e Lazer em Casa.

Outro exemplo de criatividade da Prefeitura de Maceió na adaptação ao momento de distanciamento social, foi o sucesso da e-Copa Maceió Solidária. A competição de futebol virtual teve o objetivo de arrecadar cestas básicas para os profissionais autônomos da educação física, afetados pela pandemia. Entre doações e valor de inscrições revertidos em alimentos, foram arrecadados cerca de meia tonelada de donativos não-perecíveis.

Sucesso da e-Copa Maceió Solidária foi exemplo de criatividade durante a pandemia. Foto: Reprodução

Para continuar o planejamento do plano de retomada das atividades presenciais, o Conselho deverá aumentar a frequência de reuniões. Outro passo neste protocolo deverá ser dado em um novo encontro marcado, a princípio, para o dia 27 de julho. O alinhamento das questões técnicas que envolvem o retorno do esporte na capital alagoana terá como base, também, os documentos elaborados pelas Confederações Brasileiras e Internacionais de algumas modalidades esportivas executadas pela população maceioense.

Criado em 06 de janeiro de 2000 pela Lei Nº 4.930, o Conselho passou mais de 17 anos desativado e foi retomado pelo prefeito Rui Palmeira em junho de 2018. Ao lado da Semtel, o CMEL objetiva formular políticas públicas e programar ações destinadas ao fortalecimento das atividades esportivas e de lazer em Maceió.

Personal trainers autorizados

Recentemente, a Prefeitura de Maceió autorizou a retomada da atuação dos profissionais da educação física, desde que atendam um aluno por vez, com hora marcada e em locais privados (residências e estúdios). Além disso, é necessária a utilização de equipamentos de proteção individual, respeitando os cuidados com a higienização já protocolados pelos órgãos de saúde.

Maurício Manoel (estagiário) / Ascom Semtel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *