7 de abril de 2020

Site ajuda a mapear risco e comportamento da população durante quarentena

Com o objetivo de entender o comportamento da população e dimensionar o risco de contaminação pelo novo coronavírus, está sendo lançada a plataforma Coronarisco. A aplicação criada por iniciativa do pesquisador da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Recife, Dr. Thiago Araújo e apoio do Dr. Ulysses Albuquerque, a MSc. Juliana Silva e a pedagoga Cybelle Albuquerque, possibilitará a identificação das atitudes preventivas que a população está tendo para evitar o contágio da doença.
A plataforma , que foi produzida pela Quacks, é construída com base em métodos científicos utilizados em doenças emergentes e reermergentes, como a COVID-19. Os dados serão úteis no entendimento global da situação de como a população está se comportando nas cidades, por meio de um mapa de calor.
De acordo com o Thiago Araujo, a plataforma é simples e gratuita. “Por meio de um Quiz, a população vai responder as perguntas e, no final, terá dois tipos de notas – uma para o modo como ela está se comportando (saindo de casa, lavando as mãos, entre outros) e outro como ela percebe o risco sobre a doença”, explica.
Além disso, com esses dados é construído um mapa mostrando estas informações que poderão auxiliar as autoridades na tomada de decisão para cada localidade. Thiago ainda reforça que “não basta a pessoa perceber uma doença como um risco se ela não tem atitudes ou comportamentos que as afastam ou previnem do contágio”.

Os interessados devem entrar no site http://coronarisco.com e aceitar os termos e a localização do aparelho para começar a responder.

Ascom Uninassau Maceió

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *