11 de agosto de 2019

Desafio da Inovação receberá ideias de universitários para atender destino Caminhos do São Francisco

Evento pretende captar soluções para problemas e necessidades do turismo ao longo do Velho Chico

Desafiar as pessoas pode ser um estímulo eficiente para que elas saiam da zona de conforto e sejam mais criativas. Pensando nisso, o Sebrae em Alagoas vai realizar o Desafio da Inovação para que estudantes universitários pensem em ideias e soluções para problemas e necessidades do destino turístico Caminhos do São Francisco. Os estudantes já estão sendo mobilizados e no próximo dia 14 de agosto, das 8h às 18h, no Balneário Santa Amélia, em Penedo, irão conhecer quais são esses desafios.

Para participar, os coordenadores dos cursos de Turismo, Engenharia da Produção e Sistema da Informação, da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), estão realizando uma seleção de 30 estudantes, sendo 10 de cada curso. Para o Desafio, serão formadas equipes compostas por seis integrantes de maneira multidisciplinar, com estudantes dos três cursos. Essa é uma ação promovida pelo Sebrae em Alagoas em parceria com a Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e empresários da região.

O Desafio da Inovação terá início com uma apresentação dos dados do destino turístico Caminhos do São Francisco e uma sabatina de perguntas sobre o destino. Em seguida, será a vez do “Start nas ideias!”, até às 12h. No período da tarde, das 13h às 15h30, os alunos terão que concluir as ideias e apresenta-las para uma banca avaliadora. Cada equipe terá cinco minutos para apresentar e mais cinco para responder perguntas. Ao final da tarde, o resultado será divulgado com premiações para as melhores ideias. Entre os prêmios estão hospedagem, refeições e passeios.

De acordo com Cintia Silver, analista do Escritório Regional do Sebrae em Penedo, a proposta de realizar o Desafio surgiu dentro das ações do Experimente o Velho Chico, iniciativa de integração dos destinos turísticos dos Cânions à Foz do São Francisco, realizada em parceria com o Escritório Regional do Sebrae em Delmiro Gouveia. A analista também ressaltou a importância de ações assim para integrar os esforços dos diversos atores envolvidos – Sebrae, academia e o setor do turismo -, além de estimular a inovação entre os estudantes e empreendedores.

“Muitas vezes realizamos ações isoladas, sem pensar na possibilidade de junção com outras instituições. Estamos animados com o evento e com as oportunidades que ele proporcionará aos estudantes para que pensem na prática em soluções reais para problemas corriqueiros. Para os empresários, a possibilidade de solucionar problemas que de alguma forma atrapalham o seu desenvolvimento e para o Sebrae a efetivação da missão de possibilitar o aumento da competitividade dos pequenos negócios”, afirmou Cintia Silver.

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *