10 de junho de 2019

Praia do Carro Quebrado é atração turística no Litoral Norte de Alagoas

Localizada no município da Barra de Santo Antônio, é considerada uma das mais bonitas do Brasil

O percurso dura em torno de 20 minutos, do ponto de partida do catamarã até as piscinas naturais. O cenário é paradisíaco. Enquanto a embarcação desliza pelas águas cristalinas, é possível contemplar uma paisagem de tirar o fôlego, com falésias de cores vibrantes, areia branquinha, coqueirais e uma praia de um azul estonteante. O ecossistema é rico. Longe da poluição, corais e outras espécies marinhas sobrevivem e se reproduzem. Quem nunca foi à praia do Carro Quebrado, no município da Barra de Santo Antônio, não imagina a beleza que o local preserva.

A Barra fica bem pertinho da capital Maceió, a cerca de 37 Km, e se durante anos ficou fora do mapa turístico da região Norte de Alagoas, agora é roteiro certo, graças à iniciativa da gestão municipal que tem investido na divulgação, estruturação e no destino Barra como parada obrigatória para nativos e visitantes vindos de todos os cantos do Brasil e de outros países. É lá onde está aquela que é considerada uma das sete praias mais bonitas do País, o Carro Quebrado.

A praia fica no bucólico povoado Ilha da Crôa, e o acesso é possível de carro ou barco. Para tornar esse espaço de natureza visitado por quem vem a Alagoas a passeio, a prefeitura da Barra vem investindo em ações de turismo, que agreguem desenvolvimento econômico com preservação ambiental.

“Trabalhamos inicialmente na reestruturação de áreas básicas, como saúde, educação, ação social, infraestrutura da cidade, que hoje conseguem atender satisfatoriamente à população. Posteriormente, iniciamos investimentos no turismo como fonte de desenvolvimento e fortalecimento da economia local, gerador de emprego e renda”, afirma a prefeita da Barra, Emanuella Moura (PSDB).

Um dos primeiros passos neste sentido foi a criação, em 2017, da Secretaria Municipal de Turismo, a primeira da história da Barra de Santo Antônio, município potencialmente turístico. “As belezas naturais, a gastronomia, o artesanato da Barra há muito já exigiam uma política própria voltada ao turismo”, enfatizou a prefeita. Para ocupar o cargo de secretário foi nomeado Ronaldo José Lessa Campos.

No final de semana que passou, a convite do secretário e do restaurante Capitão Nikolas, ponto turístico da Barra, a prefeita Emanuella e a deputada estadual Cibele Moura (PSDB) participaram, juntamente com secretários municipais, vereadores, e empresários da cidade, de um passeio na piscina natural de Carro Quebrado. “Mar mais bonito não há e é preciso integrarmos nossas visões e ações no fortalecimento do turismo local, tendo como alvo o desenvolvimento econômico do município”, afirma Emanuella.

Para a deputada Cibele Moura, fortalecer o turismo é fortalecer a economia local, assegurando renda para boa parte da população do município litorâneo que tem no setor uma das principais fontes de economia. “E isso vem sendo feito na Barra com muito compromisso e empenho. O turismo do município vive hoje outra realidade”, afirma a parlamentar, ao destacar o empreendedorismo que o setor também proporciona. “Ganham todos, do guia turístico, ao vendedor de água de coco, de petiscos, o artesão e o empresário, dono de hotel e pousada. Essa é a saída para o crescimento da economia e isso a prefeitura tem feito”, destaca Cibele.

Os investimentos no turismo e divulgação do Carro Quebrado não param. Em abril deste ano o nome do local foi levado para a 7ª edição do badalado Minas Trend, com uma coleção produzida pela artesã e digital influencer Endy Mesquita denominada “Crôa”. As peças, recheadas de estilo, puderam ser vistas e adquiridas na feira de Minas Gerais e em diversos pontos turísticos de Alagoas e do Brasil. “São parcerias como essa que fizemos com o ateliê da Endy que nos ajudam na divulgação do destino Barra. Vamos fortalecer ainda mais essas iniciativas”, assegura Emanuella Moura.

ORIGEM – Existem algumas teorias sobre o nome. Algumas pessoas dizem que, em razão do difícil acesso, o carro de um casal atolou no percurso, foi abandonado e corroído pela maré alta. Outras versões da história contam que esse mesmo casal teria ido namorar à noite na praia e não conseguiu voltar depois que o carro quebrou. Daí, Carro Quebrado, que até hoje é visto em uma réplica por quem passeia no local.

Niviane Rodrigues/Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *