27 de julho de 2016

Comissão Gestora do Funjuris discute modernização da infraestrutura judiciária

 Juiz Maurílio Ferraz (à esquerda) presidiu reunião da Comissão Gestora do Funjuris


Juiz Maurílio Ferraz (à esquerda) presidiu reunião da Comissão Gestora do Funjuris

Análise de processos relacionados a custas processuais e a investimentos planejados para a modernização da infraestrutura judiciária foram alguns dos temas discutidos pela Comissão Gestora do Fundo Especial de Modernização do Poder Judiciário (Funjuris), presidida pelo juiz Maurílio da Silva Ferraz.

“As reuniões da Comissão Gestora do Funjuris são regulares e contam sempre com apoio da equipe técnica do Fundo”, observou o juiz Maurílio Ferraz, designado para o cargo por meio de portaria assinada pelo presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, desembargador João Luiz Azevedo Lessa.

Compõem ainda a Comissão Gestora as juízas Silvana Omena, coordenadora administrativa, e Maria Valéria Calheiros, coordenadora de Arrecadação, mas que já integrava a comissão. “Fiquei muito satisfeita com a oportunidade colaborar com o Fundo Especial do Judiciário”, comentou Silvana.

Os magistrados deliberaram sobre projetos em tramitação e debateram questões ligadas à situação orçamentária do Fundo, instituído pela lei nº 5.887, de 6 de dezembro de 1996, com a finalidade de assegurar condições materiais às permanentes ações de modernização e otimização dos serviços judiciais.

Os servidores Marcondes Grace, coordenador administrativo, Rodrigo Correia, chefe da Contabilidade e Finanças, e Alessandro Rodrigues da Rocha, assessor jurídico, fizeram explanações aos juízes sobre os setores pelos quais respondem, auxiliando-os na tomada de decisões gerenciais.

Maikel Marques – Dicom TJAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *