10 de novembro de 2015

Olimpíada: Turismo capacita profissionais de segurança pública em idiomas

Um novo acordo de cooperação técnica entre o Ministério do Turismo e a Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça destinará 1.680 vagas em cursos de idiomas aos profissionais da segurança pública do município do Rio de Janeiro por meio do Pronatec Turismo. As turmas de inglês, espanhol, francês e libras serão ocupadas por profissionais que atuarão nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016. As aulas devem começar até dezembro de 2015. Entre as instituições contempladas pelas novas vagas estão a Guarda Municipal, a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, a Polícia Federal e a Polícia Civil. Os cursos terão carga horária mínima de 160 horas e duração entre três e oito meses. Desde 2012, cerca de 140 mil pessoas concluíram os cursos do Pronatec Turismo. Se consideradas as 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, foram 1.017 concluintes de áreas da segurança pública. Entre os formados está a guarda civil metropolitana Carla Lopes, que trabalhou em uma das bases de maior circulação de turistas de São Paulo durante a Copa: a Avenida Paulista. A policial estudou espanhol por meio do Pronatec Turismo e se diz mais preparada para orientar visitantes, em português e espanhol. “Acredito também que será muito importante para os futuros eventos”, disse. O atendimento em idioma estrangeiro é uma ação prioritária do Ministério do Turismo. Ao investir na comunicação, o MTur atende a uma das principais reivindicações dos estrangeiros que visitaram o país, de acordo com pesquisas do órgão em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). “Sabemos que, em muitos casos, os profissionais da segurança são acionados por turistas para prestar informações. A ideia é qualificar aqueles que atuarão nos locais próximos às competições e lidarão diretamente com o público”, diz o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. As pré-matrículas serão realizadas por meio da TurisRio e RioTur, órgãos parceiros do MTur no Programa. Os cursos serão executados pelo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) nos próprios locais de trabalho dos profissionais. O Pronatec Turismo trabalha em quatro linhas de ação: destinada às pessoas que desejam atuar no turismo; às pessoas que já trabalham no setor; a jovens e familiares em situação de vulnerabilidade social ligados ao projeto ViraVida; e outra destinada ao aperfeiçoamento de pessoas que atuam na produção associada ao turismo, para o desenvolvimento local de municípios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *