28 de setembro de 2015

Velas Artes: artistas começam a transformar jangadas

O Armazém Uzina será transformado em um grande ateliê de arte. De hoje até quarta-feira (30), 15 artistas plásticos alagoanos vão transformar velas de jangadas em obras de arte, marcando o retorno do Velas Artes. O Projeto, depois de décadas, foi reativado, graças a uma parceria entre o Sebrae e da Prefeitura de Maceió e será relançado no dia 03 de outubro, às 19h, na praia de Pajuçara. As 15 velas são da Associação dos Jangadeiros de Maceió e serão transformadas pelos pincéis e mentes criativas de artistas como Alex Barbosa, Ana Maia, Bárbara Lessa, Beto Leão, Beto Normande, Dalton Costa, Lula Nogueira e Maria Amélia Vieira. Mirna Porto, arquiteta e coordenadora geral de Qualificação Profissional da Secretaria Municipal de Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes), foi convidada para fazer a curadoria do Salão Marítimo de Artes Visuais, o o Velas Artes. Segundo ela, a escolha dos artistas seguiu alguns critérios como a importância dos trabalhos no desenvolvimento da cultura local e participação nas edições anteriores. “É uma grande homenagem a Gustavo Leite, um homem que apesar de ter morrido jovem, contribuiu enormemente para o enriquecimento cultural do Estado e do Município”, complementou Mirna. O retorno do Projeto é uma iniciativa do Sebrae, dentro da Campanha Compre do Pequeno Negócio, e da Prefeitura, como uma das ações em comemoração aos 200 anos de Maceió. Além do lançamento na noite do dia 03 de outubro, nas manhãs dos dias 04 e 05, as jangadas irão navegar entre as águas da Pajuçara e Ponta Verde apresentando a todos os trabalhos dos 15 artistas plásticos. São apoiadores do evento o Armazém Uzina e a Miracor. Além da Semtabes, a Fundação Municipal de Ação Cultural e a Secretaria Municipal de Promoção do Turismo estão envolvidas no Projeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *