16 de julho de 2017

Sistema Único de Assistência Social será tema de conferência estadual

Encontro fortalece o papel do Estado na oferta de serviços que atendam às necessidades da população em situação de vulnerabilidade social

Encontro fortalece o papel do Estado na oferta de serviços que atendam às necessidades da população em situação de vulnerabilidade social

Avaliar as políticas públicas e definir diretrizes para o aprimoramento do Sistema Único de Assistência Social são os objetivos da XI Conferência Estadual de Assistência Social de Alagoas, que acontecerá nos dias 26 e 27 de setembro. O evento será realizado pelo Conselho Estadual (Ceas), em parceria com a Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades).

Desde o mês de abril , Seades vem realizando conferências municipais no intuito de preparar os trabalhadores do Suas para a etapa estadual. Na avaliação da superintendente de Assistência Social, Elis Correia, é uma oportunidade de garantir a participação de todos os atores envolvidos na Política Nacional de Assistência Social, dando voz e voto aos delegados eleitos pelos municípios.

“Já realizamos mais da metade das conferências em, até o fim deste mês teremos concluído 100% dos municípios alagoanos. Essas ações são oportunidades para cada município avaliar a política de assistência social que está sendo executada em seu território e eleger os delegados que irá representá-los em setembro”, disse Elis Correia.

Entre os temas que serão abordados na conferência estadual estão o ‘Pacto de Aprimoramento da Gestão Estadual do Suas em Alagoas e o Diagnóstico do II Plano Decenal de Assistência Social’, ‘Garantia de Direitos no Fortalecimento do Suas’, ‘Acesso às Seguranças Socioassistenciais e a Articulação entre Serviços’, ‘Benefícios e Transferência de Renda como Garantias de Direitos Socioassistenciais’.

ascom_seades_e_divulgacao_do_mds_20170713_1446342511O secretário titular da Seades e conselheiro titular do Ceas/AL, Fernando Pereira, enfatiza a importância da conferência para a garantia de políticas que atendam às necessidades do cidadão em diversas áreas sociais.

“Não basta implementar a política. É necessário fazer com que o processo seja contínuo e renovável em todos os municípios. Para isso, precisamos contar com a colaboração de todos, propondo, discutindo, criticando. Enfim, fazendo da conferência estadual um momento democrático e de promoção da cidadania”, disse o secretário.

O encontro faz parte de uma série de ações rumo à conferência nacional, que este ano terá como tema ‘Garantia de Direitos no Fortalecimento do Suas’ e ocorrerá em Brasília, nos dias 10 e 11 de dezembro.

“É fundamental que este debate seja enriquecido por todos desta política, de forma que a XI Conferência seja a mais completa e abrangente possível, constituindo-se em espaço privilegiado na deliberação de ações que garantam o direito de cada cidadão e a responsabilidade do Estado na oferta de serviços que atendam às necessidades da população em situação de risco e vulnerabilidade social”, completou o secretário Fernando Pereira.

Renata Bello/Ascom Seades

 

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *